Bailarina juazeirense se apresenta em noite de gala em Nova York neste sábado

vitória almeidaA noite deste sábado (1º) em Nova York, nos Estados Unidos, vai ter um brilho baiano. É que a bailarina juazeirense Vitória Almeida se apresentará na ‘Gala do American Academy of Ballet’. No evento a bailarina apresentará quatro coreografias – sendo duas clássicas, um samba nas pontas e um folk dance, coreografias essas ensaiadas por brasileiros, russos e americanos.

O evento acontecerá no teatro The Performing Arts Center, conhecido espaço da cidade de Nova York, onde foi gravado o filme Cisne Negro tendo a famosa atriz Natalie Portman no papel principal.

Vitória, que mora e trabalha em Fortaleza (CE),  foi aprovada  em novembro do ano passado  na audição  na capital cearense para  o curso de férias  na  Américan Academy of Ballet,   onde anualmente reúne   alunos e professores  do mundo inteiro para aulas de até 8 horas por dia, de segunda a sábado.

Vitória tem 22 anos e é filha do poeta e compositor Manuca Almeida e da radialista e publicitária Lu Almeida. Ela está em Nova York há 25 dias. (fotos/divulgação)

Projeto ‘Sinfonia no Parque’ será estendido durante todo o mês de agosto

sinfonia no parqueQuem viu e aprovou o ‘Sinfonia no Parque’, idealizado pela secretaria executiva de Cultura de Petrolina, terá o mês de agosto inteiro para apreciar o projeto, que acontecerá sempre aos domingos, às 10h30, no Parque Municipal Josepha Coelho, área central de Petrolina.

A programação dá a oportunidade aos apreciadores da boa música de ouvi-la em contato com a natureza, como também confirma uma vocação histórica de que a música precisa andar de mãos dadas com o público. O horário pela manhã (10h30) ajuda, e um local muito bom que dá para todas as famílias, das crianças aos idosos, propicia uma expectativa muito grande para esta série que vem sendo um sucesso de público”, conclui o maestro Hélio Lima. (foto/reprodução)

Juazeiro: Prática criminosa de furto de água pode dar cadeia e multa, alerta SAAE

corte d´'aguaO furto de água é uma prática criminosa passível de penalidade. Quem age de forma fraudulenta, segundo o Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) de Juazeiro (BA), pode ser multado e pegar pena de até um ano a quatro anos pela infração.

Durante toda esta semana, o setor de corte e ligações do SAAE intensificou a ação de combate às ligações irregulares – conhecidas popularmente como “gatos”. De acordo com o chefe do setor, Fernando Brito Júnior, só nesse período foi retirado uma média de 50 ligações indevidas.

A ação criminal, segundo o órgão, representa grandes prejuízos, principalmente na perda significativa de água, tempo de serviço, e financeiro, visto que impõem ações efetivas de reparo de rede, conserto de vazamentos, entre outros. “Continuaremos com a fiscalização das ligações irregulares, como também as clandestinas em todos os bairros de Juazeiro. É necessário que os usuários compreendam que essa é uma atitude criminosa e acaba prejudicando toda a população, como também ao SAAE, nos impedindo de investir em mais melhorias no abastecimento de água”, colocou a diretora comercial da autarquia, Tarcila Gomes.

Os usuários que se sentirem prejudicados podem fazer a denuncia ao SAAE pelos telefones (74) 3614-9800/ 9848. Conforme a assessoria do órgão, não é precisos e identificar. (foto/Assessoria/divulgação)

Artigo do leitor: “Petrolina, a Terra de Canaã”

PetrolinaAs qualidades do município de Petrolina mereceram elogios do leitor Thiago Jerônimo Pinto dos Santos, que destaca no artigo abaixo sobretudo a hospitalidade do seu povo.

Confiram:

Não é novidade que a Região do Vale do São Francisco vem crescendo de forma sistemática em relação aos outros municípios do Estado. Também não é de se espantar que o povo que nela vivi e trabalha possui um espírito empreendedor e sagas. Tudo isso é fato e salta aos olhos do observador menos atento. Poderia gastar muito mais tempo do leitor relatando as qualidades dessa região e principalmente do município de Petrolina, contudo vou desenhar aqui apenas as minhas impressões sobre essa terra que comecei a admirar e respeitar.

Não vou me ater a números nem a estatísticas chatas e medonhas, o cenário que vou descrever parte do olhar de um professor, sonhador e otimista, que luta bravamente por um lugar ao sol.

Ao chegar a Petrolina, percebi logo de início que Recife (cidade-natal) não iria fazer falta. Encontrei todos os serviços, atividades, comércios e pessoais para resolver todos os problemas possíveis. O que mais chamou minha atenção foi a facilidade de emprego e oportunidades em várias áreas.

Porém, o que faz de Petrolina uma terra abençoada e próspera são as pessoas que nela vivem. Seres humanos especiais, de fácil trato, amorosos e gentis. São receptíveis com os forasteiros, te acolhem com amor e respeito. Pessoas que me abriram as portas desde o início quando cheguei. Nas minhas andanças nunca tive a oportunidade de conhecer pessoas tão especiais.

Escrevo esse artigo em homenagem a todos os petrolinenses, homens, jovens, idosos, mulheres, todos que fazem dessa terra um lugar predestinado ao crescimento e à prosperidade. Petrolina, sem dúvida, surge como uma terra prometida por Deus, na qual emana leite e mel. Petrolina também poderia se chamar Terra de Canaã.

Thiago Jerônimo Pinto dos Santos/Leitor

Mestrado em Educação do DCH-III da Uneb em Juazeiro inscreve para aluno especial até a próxima segunda-feira

ppgesaEstão abertas as inscrições para aluno especial do Programa de Pós-Graduação – Mestrado em Educação, Cultura e Territórios Semiáridos (PPGESA), do Departamento de Ciências Humanas (DCH-III) da Universidade do Estado da Bahia (Uneb), em Juazeiro. As vagas são para História das disciplinas escolares, currículo e avaliação (15 vagas) e Letramento e Cultura Visual (16 vagas). O candidato que for aprovado nas duas só será admitido em uma única disciplina por semestre.

Para inscrição, os interessados deverão entregar toda a documentação exigida em edital, presencialmente, por procuração simples ou via sedex, das 8h às 17h, na Secretaria do PPGESA localizada no 1º andar do Departamento de Ciências Humanas (DCH), Avenida Edgard Chastinet, s/n (Bairro São Geraldo, CEP 48.905-680, Juazeiro-BA). O resultado da seleção será publicado no dia 14 de agosto no site www.ppgesa.uneb.br e no mural da Secretaria Acadêmica do PPGESA. Os selecionados deverão efetivar matrícula no dia 18 de agosto, das 8 às 17h, na Secretaria Acadêmica do programa.

Sobre o programa

Fundamentado na Convivência com o semiárido brasileiro, o PPGESA busca contribuir diretamente com a disseminação dos referenciais teórico-práticos da Educação contextualizada como instrumento formativo de novos educadores sociais e novos atores sensibilizados e comprometidos com esta discussão. Tem como objetivo geral discutir os processos educativos formais e não formais que se estabelecem em contextos de regiões semiáridas de diversas partes do mundo, destacando-se, deste cenário, o semiárido brasileiro, observando-se as mediações vivenciadas pelos canais comunicativos e tecnologias associadas à educação.

O edital completo e ficha de inscrição podem ser acessados através do site www.ppgesa.uneb.br. Outras informações sobre a seleção e o programa podem ser obtidas através do e-mail ppgesa@gmail.com ou pelos telefones (74) 3611-6860 | 5617 | 6463 – Ramal 229.

Vigilância Sanitária interdita farmácia no bairro Antônio Cassimiro e multa proprietário

farmácia fechada pela vigilância sanitáriaMais uma farmácia que funcionava irregularmente em Petrolina foi interditada pela Agência Municipal de Vigilância Sanitária (AMVS). Dessa vez, os fiscais fecharam a Farmácia Beatriz, localizada no bairro Antônio Cassimiro, na zona norte da cidade, que funcionava sem a licença sanitária e sem um responsável técnico – o farmacêutico – para realizar a coordenação do atendimento.

Além do termo de interdição, foram aplicados auto de infração, de apreensão e multa. “Todo estabelecimento deve portar a licença sanitária para funcionamento e o não cumprimento à norma gera medidas administrativas, além da credibilidade do proprietário ficar fragilizada perante à população. As pessoas devem ficar atentas às situações suspeitas e acionar o órgão competente”, disse o diretor-presidente Jarbas Costa.

Quem tiver alguma desse tipo pode ligar para o telefone (87) 3864-2738, de segunda a sexta-feira, ou se dirigir à sede da AMVS, que fica no prédio da AME da Areia Branca. (foto/divulgação)

Desrespeito: Motorista estaciona veículo em descida de rampa para cadeirantes na Areia Branca

Carro estacionado em local proibidoParece difícil para muitos motoristas em Petrolina entender que uma rampa de cadeirantes é local estritamente proibido de estacionamento. Mas não tem jeito.

Na tarde de hoje (31) a equipe do Blog flagrou um desses condutores ‘folgados’, que parou seu carro justamente numa dessas rampas, localizada na Avenida do Cajueiro, bairro Areia Branca, zona leste da cidade.

Pior para quem depende da cadeira de rodas, que vai precisar de outro ponto para poder descer. Lamentável.

Alternativas para meio ambiente e crise hídrica são destaques em 1ª Feira de Ciências de Petrolina

feira ciencias PetrolinaVários projetos tendo como princípio soluções alternativas para o meio ambiente e a crise hídrica no Vale do São Francisco foram destaque, nesta sexta-feira (31), da 1ª Feira de Ciências de Petrolina. O evento, que será anual, aconteceu no Centro de Convenções Senador Nilo Coelho e contou com mais de 105 estudantes inscritos – na sede e interior. (mais…)

Conta de energia seguirá na bandeira vermelha em agosto

energiaA Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) informou nesta sexta-feira (31) que a bandeira tarifária seguirá vermelha no mês de agosto. Na prática, os consumidores vão continuar pagando mais caro pela energia consumida, já que a bandeira vermelha mostra que o custo para gerar energia no país está elevado, resultando em cobrança de taxa extra.

O sistema de bandeiras foi criado para sinalizar aos consumidores o real custo de produção da energia, o que é feito por meio da cor da bandeira impresso nos boletos das contas de luz. Se a cor é verde, a situação está normal e não há cobrança de taxa. Amarela, cobra-se R$ 2,50 para cada 100 kWh de energia consumidos. Se vermelha, a taxa sobe para R$ 5,50 para cada 100 kWh.

A bandeira vermelha está em vigor desde o início do ano, devido à falta de chuvas que reduziu o volume dos reservatórios das principais hidrelétricas do país. Essa situação vem obrigando o governo a manter ligadas todas as termelétricas disponíveis, mesmo com a melhora deste quadro em algumas regiões.

As termelétricas geram energia por meio da queima de combustíveis como óleo e gás. Elas ajudam a poupar água dos reservatórios das hidrelétricas, mas o custo de produzir eletricidade com elas é muito maior. A conta extra pelo uso das termelétricas é um dos itens cobertos pelas bandeiras tarifárias. Outro é a compra, por algumas distribuidoras, de energia no mercado à vista. Essas concessionárias recorrem ao mercado à vista quando precisam de mais eletricidade para atender aos seus consumidores do que aquela que têm sob contratos. O problema é que, no mercado à vista, a energia também é mais cara. (fonte: G1-DF)

Sindicatos de Juazeiro farão encontro na próxima semana para discutir adequações ao PCCR dos servidores municipais

sinserp juazeiroAs adequações e propostas feitas pelos servidores municipais de Juazeiro (BA) ao Plano de Cargos, Carreiras e Remuneração (PCCR) serão debatidas na próxima semana numa nova rodada de análise a cargo das entidades que respondem pela categoria.

A reunião está marcada para o dia 3 de agosto, às 16h, no auditório da APLB/Sindicato (bairro Alagadiço). Representantes dos Sindicatos dos Servidores Públicos Municipais de Juazeiro (Sinserp), dos Trabalhadores em Água, Esgoto e Meio Ambiente no Estado da Bahia (Sindae), da Guarda Municipal (AGMJ), dos Agentes de Trânsito (Assogestran), dos Agentes de Saúde e Endemias (Sintase) – além da APLB – debaterão o assunto.

(c) 2015 Blog do Carlos Britto | produzido por proximavenda.com.br