Comunidade do Rio Corrente critica problemas em antigo posto de saúde; Secretaria de Saúde rebate

O antigo posto de saúde do Bairro Rio Corrente, zona oeste de Petrolina, virou motivo de algumas reclamações por parte da comunidade local. De acordo com o morador Weslei Alves, os problemas são vários. “O vazamento de água limpa é constante, sem falar no lixo. Nós, moradores, esperamos providências urgentes da prefeitura”, desabafou.

A reportagem obteve da assessoria de comunicação da Secretaria Municipal de Saúde a informação de que o posto está desativado desde dezembro. Segundo o setor de Atenção Básica da pasta, existe a intenção de colocá-lo em funcionamento novamente. Mas por enquanto os atendimentos à população do Rio Corrente são feitos na unidade da Cohab Massangano, também na zona oeste.

Sobre o vazamento e o lixo no antigo posto, a assessoria rebateu as reclamações. Em relação à primeira demanda, a pasta disse que o vazamento é na tubulação da Compesa, na mesma rua, e não no posto. Mesmo assim, o órgão municipal irá cobrar uma solução junto à Companhia. Quanto ao lixo, a equipe de Atenção Básica disse não ter identificado esse problema no local.

Na ‘cola’ de Paulo Bomfim

É cada vez mais evidente a aproximação da oposição em Juazeiro ao grupo do prefeito Paulo Bomfim (PCdoB). Onde quer que o prefeito vá, os vereadores vão atrás. Seja na Caravana da Saúde, na inauguração de pavimentação de rua ou num ‘chá de bonecas’, lá estão eles, rodeados do gestor.

O que se comenta nos bastidores é que a tal “harmonia” disseminada pelo novo presidente da Câmara, Alex Tanuri (PSL), serviu de consolo para alguns vereadores.

Com um discurso de aproximação apenas para acompanhar de perto as promessas feitas ou fazer avaliação dos serviços, baseada na gestão do ex-prefeito Isaac Carvalho,  essa ‘cola’ toda da oposição está deixando Bomfim cada dia mais sorridente. O motivo? Nem precisa dizer. (foto: Ascom PMJ/divulgação)

Após alerta do governo de PE contra surto de caxumba, HDM/Imip adverte sobre os riscos da doença

Esta semana a Secretaria de Saúde de Pernambuco divulgou um boletim reforçando a importância da vacina tríplice viral como medida preventiva contra a caxumba – uma infecção viral aguda que afeta as glândulas parótidas, responsáveis pela produção da saliva e que ficam localizadas abaixo dos lóbulos das orelhas. Desde 2015 vêm sendo observados em todo o país surtos da doença, com os primeiros registros em Pernambuco datados do mês de maio do ano passado. Ao longo de 2016 foram notificados 76 surtos envolvendo 836 casos no estado.

De acordo com o setor de Doenças e Agravos da Secretaria Estadual, quanto mais rápida a comunicação, mais efetivas serão as medidas adotadas pelos municípios. Por isso, o setor de Pediatria do Hospital Dom Malan (HDM/Imip), em Petrolina, se antecipou e começou a informar à população as principais características da doença, visando a contribuir com a prevenção. “Às vezes o que as pessoas precisam é de informação, e nós não vamos pecar por essa falta de esclarecimento, até porque fazemos parte de uma rede de saúde e todos nós somos parceiros nesse sentido”, ressalta a pediatra, Dr.ª Fernanda Patrícia Novaes.

Considerada uma doença típica da infância, a caxumba também pode atingir pessoas de qualquer idade e evoluir com complicações graves como orquite (inflamação dos testículos), inflamação nos ovários, meningite viral e até encefalite (inflamação no cérebro). “Ela é mais comum na infância porque o sistema imunológico da criança ainda está em formação, mas ela pode acometer qualquer faixa etária. Geralmente, a caxumba provoca um aumento de volume bem característico próximo à mandíbula e ao ouvido, febre e dificuldade para mastigar. Nos casos leves e moderados, o paciente também pode apresentar dores no corpo, fadiga e perda de apetite”, acrescenta a pediatra.

Tratamento

Segundo Fernanda, o tratamento é sintomático (não havendo uma medicação específica). Aos primeiros sinais da doença a pessoa infectada deve procurar o posto de saúde, tendo que ficar em isolamento domiciliar para não disseminar o vírus. “Em geral, os sintomas são brandos e tratados com antitérmicos e analgésicos, devendo ser evitado o AAS. Repouso, hidratação e boa alimentação também são importantes aliados”, destaca. A contaminação da caxumba ocorre através de gotículas de saliva do doente, que se espalham pelo ar alcançando as vias aéreas de pessoas próximas. A única prevenção eficaz continua sendo a vacina, cuja primeira dose no calendário brasileiro está indicada aos 12 meses, com reforço aos 15 meses na forma da vacina tetraviral.

Uma vez infectada, a pessoa pode contaminar outras no período entre seis dias antes do início dos sintomas até cerca de 15 dias após. O período de incubação pode ser de 14 a 25 dias. “O momento não é de alarme, mas sim de atenção e reforço sobre a importância da vacinação. Estamos sempre atentos às doenças sazonais e ao surgimento de epidemias”, garante a médica.

Juazeiro: Moradores do Jardim Primavera aguardam ampliação de Posto de Saúde, mas querem atenidimento estendido

Os moradores do bairro mais afastado do centro de Juazeiro (BA), o Jardim Primavera, estão satisfeitos com a ampliação da Unidade Básica de Saúde da comunidade, mas querem também a ampliação do atendimento ao público.

Com a obra avançada, eles aguardam um novo espaço melhor para o atendimento médico. Mas eles também querem que o atendimento seja estendido até às 17h. Hoje, conforme os moradores, só funciona até 12h. Um direito deles, que a prefeitura deveria atender. (foto/divulgação)

Sento-Sé: Prefeita alega que dívida de quase R$ 700 mil da gestão anterior fez INSS bloquear verba do FPM

Em Sento-Sé, no norte da Bahia, a prefeita Ana Passos (PSD) alega que a gestão anterior deixou uma ‘herança maldita’ quando não teria pago as contas da Prefeitura.  Em nota, a assessoria de Ana disse que, desde o primeiro dia do ano, a prefeitura não consegue ter acesso à conta do município no Banco do Brasil.

Na nota, a gestora afirma que todos os documentos de posse e decretos exigidos foram enviados, no entanto, ela esbarra numa divida de quase R$ 700 mil. Por conta dessa dívida, segundo ela, a verba do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) foi bloqueada.

O Governo Federal bloqueou R$ 259.576,40 mil reais da conta da Prefeitura referente FPM. Este valor é da folha de pagamento da Previdência Social dos meses de outubro, novembro, dezembro e do décimo terceiro  dos servidores, como também dos juros cobrados por atraso com o INSS, que a gestão anterior não pagou. Além de não deixar dinheiro para pagar as contas que ficaram“, afirma a gestora. Com a palavra, o ex-prefeito Ednaldo Barros. (foto/arquivo divulgação)

 

Tarifa das barquinhas é reajustada para R$ 1,50

Quem costuma fazer a travessia entre as cidades de Petrolina (PE) e Juazeiro (BA) por meio das barquinhas, terá que desembolsar um pouco mais. De R$ 1,30, a passagem passou para R$ 1,50. O reajuste já está em vigor nesta sexta-feira (13).

De acordo com a Associação dos Barqueiros, o aumento foi autorizado pela Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq) em dezembro passado.

As barquinhas fazem a travessia  com um revezamento de 15 minutos de segunda a sexta, de 6h às 23h. Já no domingo o horário de funcionamento é o mesmo, mas com intervalos de meia hora.

Prefeito de Ouricuri e superitendente da Codevasf discutem estratégias para repassar saneamento à Compesa

As obras da Codevasf em Pernambuco destinadas ao município de Ouricuri, no Sertão do Araripe, a exemplo do saneamento, foram pauta de reunião entre o prefeito Ricardo Ramos (PSDB) e o superintendente da 3ª Regional em Petrolina, Aurivalter Cordeiro, que esteve em Ouricuri nesta quinta-feira, 12. Na reunião, os dois gestores traçaram estratégias de recebimento da obra de esgotamento sanitário da sede do município, e de como agilizar o repasse para a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), que deverá operar o sistema.

“Conseguimos acertar alguns detalhes a respeito do esgotamento sanitário de Ouricuri e também discutimos outras ações que estamos realizando em parceria com o município. Essa conversa terá continuidade na próxima segunda feira (16), com a presença da empresa que executou a obra”, disse Aurivalter.

A Codevasf tem entregado diversos sistemas de abastecimento d’água e de esgotamento em municípios do sertão pernambucano. Recentemente Aurivalter esteve em Cabrobó para supervisionar testes em sistema de esgotamento, que vai beneficiar mais de 27 mil pessoas, e inaugurou o sistema de abastecimento da comunidade de Pedrinhas, em Petrolina.

Cerest Petrolina convoca conselheiros para primeira reunião do ano

A Coordenação Geral do Conselho Gestor de Saúde do Centro de Referência em Saúde do Trabalhador/Regional Petrolina-PE (CGS-Cerest), está convocando seus conselheiros para a primeira reunião extraordinária do ano. Conforme o edital de convocação, o encontro acontecerá dia 27 deste mês, a partir 9h, na Sala de reunião do CGS-Cerest, na sede da entidade, que fica na Rua Mar Bering, s/nº, Bairro Antonio Cassimiro.

Além de tratar da renovação da composição do Conselho, a reunião discutirá também o plano de ação do Cerest para 2017, entre outros temas. (Ilustração/Reprodução/Internet)

 

Descaso: Busto em homenagem a Osvaldo Coelho está abandonado em Rajada

O cenário causa indignação: a imagem do busto do ex-deputado federal Osvaldo Coelho, um dos políticos mais influentes e importantes da história política de Petrolina e de Pernambuco, com mais de 50 anos de vida pública, está literalmente abandonada a sua própria sorte. O busto decorava o que seria o Parque de Exposições de Rajada, que a ex-gestão construiu para movimentar eventos no local. O equipamento foi desfeito e deixaram para trás o busto de Dr. Osvaldo (falecido em novembro de 2015).

Contratada e paga com recursos públicos municipais como forma de homenagem ao político, a imagem –  entregue com festa e muita emoção na abertura do São João Vale do ano passado, pelo ex-prefeito Julio Lossio (PMDB) – contou com a presença de familiares de Osvaldo. Mas hoje foi simplesmente esquecida.

O que pode se ver, além disso tudo, é desrespeito e descaso com a memória do ex-deputado. Segundo informações recebidas pelo Blog, a família de Dr.Osvaldo estaria indignada com o fato. E com toda a razão. Não só a família, mas quem admira e respeita a história política de um homem público no nível de Dr.Osvaldo.

Degradação do Velho Chico aumenta a olhos vistos. E as providências?

O cenário de descaso que atinge o Rio São Francisco, há muito tempo, não deixa de ser criticado por leitores deste Blog. (mais…)

(c) 2015 Blog do Carlos Britto | produzido por proximavenda.com.br