Enquete

Trânsito de Petrolina fica lento até em locais onde não deveria ficar

tráfego tobias barretoO trânsito de Petrolina anda tão complicado que já começa a apresentar problemas até em locais onde o tráfego de veículos fluía normalmente.

É o caso da Rua Tobias Barreto, nas imediações do polo médico, Centro da cidade. Essa via pública, há bem pouco tempo, funcionava como ‘atalho’ de muitos motoristas para evitar o fluxo mais intenso de veículos no Centro.

Mas até na Tobias Barreto os pequenos engarrafamentos já começam a se formar, gerando reclamações. A foto foi registrada por Janko Moura, na tarde desta quarta-feira (1°). Lamentável.

Defensor de redução da maioridade penal, Gonzaga lamenta derrota apertada da proposta na Câmara Federal

GonzagaUm dos deputados que votaram a favor da redução da maioridade penal, Gonzaga Patriota (PSB-PE) disse lamentar que a proposta tivesse sido derrotada por apenas cinco votos, na Câmara Federal.

A votação começou ontem (30/06) e só foi encerrada no início da madrugada desta quarta-feira (1°), depois de muito tumulto. Realista, o parlamentar sertanejo acredita que, apesar da proposta ainda ter continuidade na Casa, dificilmente será aprovada.

Ao participar, por telefone, do programa ‘Manhã no Vale’ desta quarta na Rádio Jornal Petrolina, Gonzaga se disse convicto de que a redução da maioridade penal traria benefícios à sociedade. Mesmo reconhecendo ser preciso em políticas educacionais e sociais para evitar o ingresso de jovens no mundo do crime, o deputado afirmou que um adolescente de 16 anos “já faz coisas que qualquer adulto faz” e, portanto, deve responder judicialmente como tal.

Lançado oficialmente 3º Festival Internacional da Sanfona; evento fará parte da programação do aniversário de Juazeiro

lançamento festival da sanfona4O lançamento oficial do 3º Festival Internacional da Sanfona foi realizado na manhã desta quarta-feira (1º/07), em um hotel no bairro Santo Antônio, em Juazeiro (BA). Targino Gondim e Celso de Carvalho, organizadores do evento, reuniram a imprensa para apresentar as novidades desta terceira edição, que acontecerá de 14 a 18 de julho, no Centro de Cultura João Gilberto, em Juazeiro.

O lançamento contou a presença da imprensa regional e de diversos sanfoneiros da região, como Wanderlei do Acordeon, Flávio Baião, Raimundinho do Acordeon e Silas França.

Segundo Celso de Carvalho, essa terceira edição do festival reunirá grandes instrumentistas nacionais e internacionais. “Marcamos o evento propositalmente para a semana de aniversário de Juazeiro, e aqui se reunião grandes nomes da música nacional e internacional”, frisou Celso. Juazeiro completará 137 anos de emancipação política no próximo dia 15.

lançamento festival sanfona3Targino Gondim, por sua vez, disse que o evento tem como objetivo mostrar a força da sanfona para o Brasil e o mundo. O 3º Festival vai homenagear dois ícones do instrumento: o mestre Camarão e Dino Rocha. O mestre Camarão, que faleceu recentemente, vai receber homenagem póstuma.

Targino disse, ainda, que o motivo de trazer sanfoneiros dos quatro cantos do país e de alguns países é revelar ao público regional como esse instrumento é tocado de diversas maneiras diferentes. “Todos nós temos uma maneira diferente de tocar sanfona, por isso traremos músicos de todas as regiões para eles mostrarem como tocam o instrumento em suas regiões”, disse.

Oficinas e concursos

O Festival ainda terá oficinas em sanfonas, concursos, exposição, concertos musicais e shows abertos na Orla II de Juazeiro e no Sesc de Petrolina. As inscrições para as oficinas podem ser feitas através do site do festival. Segundo Targino, Elba Ramalho encerrará o evento.

O 3° Festival Internacional da Sanfona é uma realização da Toca Pra Nós Dois Produções e Eventos Ltda e Conspiradoria Projetos e Produções Ltda, patrocinado pelo Banco Nacional do Desenvolvimento (BNDES), através da Lei Rouanet do Ministério da Cultura e conta com o apoio da Prefeitura Municipal de Juazeiro.

Por Duda Oliveira

Mês de julho começa em Juazeiro com 65º homicídio

O mês de junho foi marcado por inúmeros homicídios em Juazeiro (BA), e o último foi registrado no final da noite de terça-feira (30), no bairro João XXIII. (mais…)

Veículos ajudarão centenas de agricultores do Sertão do Araripe a escoarem produção da agricultura familiar

entrega veículosOrganizações de agricultores familiares do Sertão do Araripe, em Pernambuco, receberam dez triciclos e uma picape Fiat Strada destinados a facilitar o trabalho de escoamento da produção familiar agroecológica.  A entrega foi feita na sede da ONG Caatinga, em Ouricuri. Os veículos vão beneficiar centenas de agricultores ligados a estas instituições.

Os triciclos têm capacidade de carregar 350 kg e ajudarão as famílias em feiras e em outros espaços de comercialização, a exemplo do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) e Programa de Aquisição de Alimentos (PAA). Estes veículos foram financiados pelo Projeto Venda Certa realizado pelo Caatinga com apoio da Ong Chapada e Articulação Nacional de Agroecologia (ANA). A ação faz parte das Redes Ecoforte que têm financiamento da Fundação Banco do Brasil e Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

Esse projeto pertence a Cresol, à AAPIO, às feiras agroecológicas e à rede de agricultores experimentadores do Araripe. Acho que este sentido deve ser colocado porque o nosso desejo é que as organizações da agricultura familiar se fortaleçam no território e também em rede porque a gente torce que no próximo edital da Ecoforte tenhamos um grupo de organizações que possam ser proponente“, destaca o Coordenador Geral do Caatinga, Giovanne Xenofonte.

Os agricultores e agricultoras que fazem parte do Grupo de Mulheres de Santa Fé em Santa Filomena e Grupo de Mulheres do Sitio Santa Maria em Ouricuri; Copagro; AAPIO; Agrodóia; Associação da Serra da Baixa I em Ipubi e das feiras agroecológicas de Ouricuri, Bodocó, Araripina e Ipubi serão beneficiadas diretamente com o Projeto. (foto/divulgação)

Caruaru: Petrolinense deixa equipe do prefeito José Queiroz

kleberO secretário de Planejamento de Caruaru, Kleber Macedo (foto), não faz mais parte do governo José Queiroz. Ele alegou motivos pessoais e deixa a pasta que assumiu desde o início da atual gestão.

Kleber, que é de Petrolina, era apontado como uma das peças chave do governo, já que ele atuava nos bastidores e participa ativamente de todos os projetos envolvendo o governo. O prefeito de Caruaru ainda não definiu quem vai substituir o secretário. (fonte/foto: Blog do Mário Flávio)

Representantes do IML esclarecem demora em recolher corpo de comunitário no bairro José e Maria

bandeira Policia CivilRepresentantes do Instituto Médico Legal (IML) de Petrolina entraram em contato com o Blog para esclarecer as denúncias sobre a demora do instituto em recolher ontem (30/06) o corpo do comunitário Mariano José Alves, que faleceu no meio da rua enquanto seguia para uma consulta na unidade de Atendimento Multiprofissional Especializado (AME), no bairro José e Maria, zona norte da cidade.

De acordo com familiares, o corpo do homem teria permanecido “largado” no meio da rua por mais de quatro horas.

Segundo os funcionários do Instituto, a demora ocorreu devido ao cumprimento do protocolo, que deve ser tomado diante destas circunstâncias.  O IML esclareceu ainda que o instituto só pode recolher o corpo depois que a Delegacia de Polícia Civil (DPC) e o Instituto de Criminalística (IC) cumprirem os procedimentos no local.

Câmara de Serra Talhada cria mais duas vagas para vereadores

Serra-Talhada-Câmara-MunicipalA Câmara Municipal de Serra Talhada (PE), no Sertão do Pajeú, aprovou o aumento do número de vereadores, criando mais duas vagas na Casa. A decisão, embora respaldada legalmente em cima do aumento populacional que se deu recentemente pelo IBGE, foi reprovada pela população, diante da crise nacional e da situação de pré-falência dos municípios.

Uma emenda permitiu que o número de parlamentares fosse alterado de 15 para 17. A Emenda Constitucional (EC) 58/2009 estabelece o limite máximo de vereadores proporcional à população, ou seja, 17 vereadores nos municípios com população acima de 80 mil habitantes, porém não obriga que as câmaras aumentem o número de seus representantes.

Em princípio, os vereadores argumentaram que o aumento não vai prejudicar o repasse que a prefeitura faz para a Câmara – o chamado duodécimo. (de Anchieta Santos/para o Blog/foto reprodução)

Trilhando um novo caminho

pedro fillipe governistaO destino de alguns dos vereadores da Casa Plínio Amorim eleitos em 2012 caminha para ser diferente na campanha municipal do ano que vem.

Nos bastidores o ‘tititi’ acerca de uma aproximação do vereador oposicionista Manoel da Acosap (PHS) com o prefeito de Petrolina, Julio Lossio (PMDB), cresce a cada dia. Mas isso nem chega a ser novidade, uma vez que em 2008 Manoel já tinha acompanhado Lossio em sua primeira eleição.

Novidade mesmo seria Pedro Fillipe (PLS) – outro eleito em 2012 no palanque oposicionista – assumir de vez que joga no time dos governistas. Como, aliás, já fez há muito tempo seu colega Elias Jardim (PP).

Os dois inclusive estavam na solenidade de lançamento do Plano Municipal de Educação (PME), realizado ontem por Lossio, em seu gabinete.

Outro que estava por lá era Geraldo da Acerola (PT), o qual se diz com uma “postura independente” na Casa Plínio Amorim – ele e sua colega de partido, Cristina Costa. Neste caso é o PT quem vai decidir o que quer que eles sejam. Já andaram em sintonia com a base de Lossio, mas agora nem tanto assim, uma vez que o prefeito vem dando sinais de distanciamento com o partido.

O caminho dos petistas, por enquanto, é uma incógnita para 2016.

Aprovação do governo Dilma Rousseff cai para 9%, informa pesquisa

pesquisaibope_avaliacao_do_governo-18a21jun-290px-v2Pesquisa Ibope divulgada nesta quarta-feira (1º) aponta os seguintes percentuais sobre como os eleitores avaliam o governo da presidente Dilma Rousseff (PT):

– Ótimo/bom: 9%

– Regular: 21%

– Ruim/péssimo: 68%

– Não sabe: 1%

A pesquisa anterior, divulgada em abril deste ano, havia apontado que 12% aprovavam o governo (consideravam “ótimo” ou “bom”). No último levantamento, 64% dos entrevistados avaliaram a administração Dilma como “ruim” ou “péssima”. Já 23% consideraram a gestão “regular”.

O levantamento do Ibope, encomendado pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), foi realizado entre os dias 18 e 21 de junho e ouviu 2.002 pessoas em 141 municípios. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos.

O nível de confiança da pesquisa é de 95%, o que quer dizer que, se levarmos em conta a margem de erro de dois pontos, a probabilidade de o resultado retratar a realidade é de 95%.

Confiança

– 20% dos entrevistados disseram ter confiança na presidente Dilma

– 78% afirmaram não confiar na petista

– 3% não souberam ou não opinaram

Maneira de governar

O percentual dos eleitores que aprovam a maneira de governar de Dilma passou dos 19% registrados no levantamento anterior para 15% nesta pesquisa. Veja os números:

– aprovam a maneira de governar: 19%

– desaprovam: 83%

– não quiseram ou não souberam responder: 2%

Segundo mandato

A pesquisa indicou ainda como os brasileiros estão avaliando o segundo mandato da petista.

– 82% avaliam que o segundo mandato está sendo pior que o primeiro

– 14% apontam a gestão como igual à anterior

– 3% consideram a administração no segundo mandato melhor

Restante do mandato

– 11% da população acredita que o restante do segundo governo será ótimo ou bom

– 61% consideram que será ruim ou péssimo

– 23% acham que será regular

– 5% não quiseram ou não souberam responder.

Notícias sobre o governo

A pesquisa Ibope também avaliou a percepção da população sobre as notícias sobre o governo veiculadas pela imprensa:

– Mais favoráveis: 8%

– Mais desfavoráveis: 64%

– Nem favorável nem desfavorável: 17%

– Não souberam/não responderam: 11%

Notícias mais lembradas

Conforme o levantamento, as notícias sobre o governo mais lembradas pela população foram as seguintes:

– Operação Lava Jato/Petrobras: 20%

– mudanças na aposentadoria: 16%

– mudanças no seguro-desemprego: 8%

– corrupção no governo: 6%

– inflação: 4%

A pesquisa Ibope também divulgou dados referentes à aprovação do governo por área. Veja os resultados:

Combate à fome e à pobreza

Aprovam: 29%

Desaprovam: 68%

Não souberam/não responderam: 3%

Meio Ambiente

Aprovam: 27%

Desaprovam: 63%

Não souberam/não responderam: 9%

Educação

Aprovam: 24%

Desaprovam: 74%

Não souberam/não responderam: 2%

Combate ao desemprego

Aprovam: 15%

Desaprovam: 83%

Não souberam/não responderam: 2%

Segurança pública

Aprovam: 14%

Desaprovam: 84%

Não souberam/não responderam: 2%

Saúde

Aprovam: 13%

Desaprovam: 86%

Não souberam/não responderam: 1%

Combate à inflação

Aprovam: 11%

Desaprovam: 86%

Não souberam/não responderam: 3%

Impostos

Aprovam: 7%

Desaprovam: 90%

Não souberam/não responderam: 3%

Taxa de juros

Aprovam: 6%

Desaprovam: 90%

Não souberam/não responderam: 4%. (fonte: G1)

(c) 2015 Blog do Carlos Britto | produzido por proximavenda.com.br