Petrolina terá policlínica e colégio militar

13

Eduardo Soldados 2Os policiais militares no sertão deverão ganhar uma policlínica e um colégio militar, que ficarão sediados em Petrolina. A Policlínica já está quase pronta. Em sua visita à cidade, na última terça (22), o governador Eduardo Campos informou já ter autorizado a contratação da equipe de profissionais que trabalharão na unidade – prevista para funcionar a partir de dezembro.

Em relação ao colégio militar, a previsão é de que esteja concluído em dez meses. A obra, assim com a Policlínica, era um reclame antigo dos PMS que atuam na região. Vai funcionar dentro do 5º Batalhão da Polícia Militar e custará R$ 1,7 milhão aos cofres do Estado.

O governador revelou também já ter autorizado a contratação dos professores que ensinarão os filhos dos PMs. O colégio militar do sertão terá os mesmos moldes do único até então existente em Pernambuco, sediado no Recife, contando com lanchonete, auditório, biblioteca, vestiários, almoxarifado e setor administrativo.

13 COMENTÁRIOS

  1. Concordo com Marcos, ter um teste de seleção, e participar todos, pois é uma escola excelente, agora tendo a cota dos pms, parabéns governador Eduardo Campos, Petrolina lhe agradece.

  2. Se receber verbas do governo, um centavo que seja, não pode excluir ninguém: A CONSTITUIÇÃO É CLARA QUANDO NÃO PERMITE ACEPÇÃO DE PESSOAS . A época de reserva de mercado ou de vagas escolares acabou há muito tempo !

  3. Sou igual a São Tomé, quero ver pra crer! Sei que a Polícia Militar vem sendo, às vezes, perseguida pela imprensa e pelos que se dizem representantes dos Direitos Humanos. Por isso essa é uma boa notícias para os Policiais. Agora, deveria também disponibilizar vagas para “os mortais”. Fazia uma reserva de 50% para os filhos de militares e os outros 50% para os filhos dos “civis”. Seria o mais justo! A mesma coisa pra Policlínica!

  4. Apenas esclarecendo ao público, a policlinica da PM é exclusiva aos militares e seus dependentes tendo em vista que nós pagamos por isso sendo que, para sermos atendidos, temos que nos deslocar de Petrolina a Recife para conseguirmos atendimento no Hospital da Polícia. Com isso vai facilitar bastante para que tenhamos atendimento de qualidade para nós e nossos filhos. Falta agora governador, ver a questão salarial, pois temos hoje o segundo pior salário do país. Levando-se em consideração que hoje em Petrolina um vigilante da prefeitura municipal recebe mais que um policial militar que expõe a sua vida dioturnamente para resguardar a população.

  5. Assim como a policlinica o colegio da policia militar de petrolina tera taixa escola como e cobrada no colegio do recife sera exclusivo para bombeiros e policias militares de pernambuco mais sera descontado a taixa escola do contracheque por isso que e privado

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome