PM-BA deflagra greve por tempo indeterminado, mas Comando não reconhece movimento

A Polícia Militar da Bahia deflagrou greve por tempo indeterminado na tarde desta terça-feira (31) após uma assembleia da Associação de Policiais e Bombeiros do Estado da Bahia (Aspra), nos Barris. Após a assembleia, um grupo de policiais seguiu para o Centro Administrativo da Bahia (CAB)  para protocolar o estado de greve da categoria e entregar lista de reivindicações na sede da Governadoria.

Os policiais reivindicam o cumprimento da lei 7.145 de 1997, com pagamento da GAP V, incorporação da GAP V ao soldo, regulamentação do pagamento de auxílio acidente e adicionais de periculosidade e insalubridade, cumprimento da lei da anistia e a criação do código de ética e de uma comissão para discutir o plano de carreira da categoria.

Apesar da movimentação dos policiais, o comando da PM não reconhece o estado de greve e pede para a população ter calma neste momento. Segundo o comando, os serviços estão mantidos.

Em nota oficial, enviada à imprensa na segunda-feira, dia 30, o comandante geral, Alfredo Braga de Castro, afirmou: “as propostas da categoria estão sendo discutidas com o Alto Comando da Corporação e com a participação direta das associações legais e legitimamente constituídas. As providências estão sendo tomadas junto ao Governo do Estado para implementação das ações de Segurança Pública no seu todo, além de melhorias das condições, não só na área salarial, mas também com a aquisição de viaturas, equipamentos de proteção individual, entre outros”.

De acordo com a Transalvador, os policiais militares se concentraram em frente ao Shopping Iguatemi no final da tarde, onde bloquearam a rua com cerca de 50 motos e carros. (Com informações do A Tarde/foto reproução)

Comentários

18 thoughts on “PM-BA deflagra greve por tempo indeterminado, mas Comando não reconhece movimento”

  1. Concordo disse:

    Já era hora, os Praças da Bahia são muito maltratados com esse salário e com o descumprimento da Lei por parte do Governo. Força Praças da bahia!

    1. é isso caompanheiros a luta não pode parar,numa guerra o sd não pode recuar se recuar morre,lutar sempre retroceder jamais,jesus lutou até a morte

      1. sabe companheiros o maior exemplo de lutas e vitórias,vamos refletir e lembrar jesus o verdadeiro héroi de todas as lutas não temia a ninguem

    2. sgt delcio mineiro disse:

      parabéns aos irmaos de farda da Bhaia..
      vamos unir forças todos estados do brasil

  2. pm desestimulado disse:

    dia 30 o comandante geral desconhecia,e hoje?

  3. infeslimente eu não vou estar ai em salvador mais estou torcendo por voces que Deus nos ajude. amém

  4. Evandro disse:

    “NADA A FAZER,SE NAÕ ESQUECER O MEDO,NADA A TEMER ,SE NAO O OCORREER DA LUTA ,ABRIR O PEITO A FORÇA NUMA PROCURA DE MELHORES CONDIÇOES SALARIAIS E DIGIDADE HUMANA”.Agora não da mais pra recuar,Deus sabe que a nossa causa é justa e ele nao pratica injustiça.”QUANDO SE POUPA O LOBO;SACRIFICA O CORDEIRO”.

  5. Fernanda disse:

    É inadimissível como a educação, a segurança e a saúde são deixados em segundo plano no Brasil. Sou a favor do movimento dos praças, onde está o governador da Bahia? EM CUBA….

  6. Alfredo Telles disse:

    É preciso o entendimento de que uma classe como a militar, nesse particular, da polícia militar, com legislação tão rígida, quando deflagra movimento de greve, está a utilizar-se da última alternativa para o alcance ao mínimo de dignidade no trabalho. Ora, é preciso reconhecer que é legítimo resistir à opressão, aos olhos fechados do Alto Comando e do Governo. Avante guerreiros!

  7. alguem disse:

    Tem que parar mesmo! Os policiais militares apesar de estarem em pleno século XXl, vivem e trabalham como na época da escravidão. Não têm direito de reivindicar nada; não têm direito a dar opinião em nada, pois são “inferiores” na visão de alguns; são tratados igual a animais irracionais. Policial é gente! Policial tem sentimentos! E o mais importante, policial é também trabalhador, tem família pra sustentar e deve ter direito de correr atrás de melhorias nas condições de trabalho, coisa que lhe é negada pela constituição. Pois só através da greve (coisa que todos os trabalhadores do país tem direito, menos a Polícia Militar) se consegue garantir direitos negados pelos governantes. Que essas mobilizações recorrentes já em vários estados sirvam para que algo se mude em nosso País, quem sabe até que um dia se mude a visão sobre a polícia, e que nos dêem direitos assim como a todos os outros trabalhadores.

  8. José Santos disse:

    O comando reconhecer ou não a greve não irá determinar a realidade dos fatos. A verdade é que o comandante geral está defendendo o Estado e o próprio interesse, deixando de lado seus companheiros de farda. Acredito que a escravidão já passou e polícia deve trabalhar satisfeita para que a sociedade seja bem atendida!

    1. roger 777 disse:

      a população precisa aderir dando apoio e precionando o governo quando o policial encorre em erros todos se manifestam agora pois e necessario nos manifestar favoravelmente e este movimento o comando geral e o governo não reconhecem o movimento assim como despresam os direitos destes hérois vale lembrar que como diria os pm’s héroi morto não venci nada e muitos morrem nos bicos definição: unica forma de um pm ter uma condição de vida melhor entende se como melhor pagar a prestação do carro comprado em 60 vz e comer dignamente.

  9. José Santos disse:

    Por que o legislativo edita as leis e o governador se acha no direito de não cumprir? Não repassa o reajuste do salário mínimo, quando dá aumento tira da gap pra maquiar a situação. Chega de desmando, somos dignos de respeito, somos seres humanos. Onde estão as comissões de direitos humanos?

  10. MARIA DE BRITO disse:

    Parabéns por essa iniciativa, que Deus abençoe todos e que esses deputados, senadores, presidente do Brasil, possa ter mais compaixão na areá da educação, da saúde e da segurança. Não abram mão dos seus direitos pois vocês arriscam a vida e merecem ser reconhecidos.
    ter a dignidade de um PLANO DE CARREIRA, TER UM PLANO DE SAÚDE DIGNO, TER MELHORES SALÁRIOS.

  11. roberto disse:

    Paulo Afonso já parou …..kkkkkkkkkkkkkk toma governador!!!!!!

  12. JADSON CERQUEIRA DE AZEVEDO disse:

    VAI TER POLICIAMENTO NAS RUAS AMANHÃ. EU SAIU 04:00 DA MANHÃ PARA TRABALHAR .

  13. Volta governador. garante a baba que leva no queixo, não deixe esse pepino nas mãos do vice e nem tampouco na do povo, pague o que é nosso, pois saibas que tu estás ai é de passagem, deixe de conversa fiado com ditadores para que não continue sendo um deles. Aceite que o causador dessa greve é a sua própria pessoa impregnada de caprichos mentecáptos.

  14. Futura policial bahia disse:

    “.Digamos senhores leitores uma guerra civil está próxima no Brasil e tentam jogar esta granada nas mãos das policias, e a que preço os policiais devem aceitar isto, implorar valorização aos governos, deixar suas familias orfãs,MORRER OU ARRISCAR AS SUAS VIDAS PARA GANHAR UMA MERRECA … por quanto os governantes arriscariam suas vidas para proteger o povo? quem…indicaria este serviço a seu filho. FORÇA aos policiais deste país, principalmente aos da BAHIA ,que vivem numa ditadura estatal para com eles.

    SIGAM EM FRENTE , SEM LUTA NÃO HA VITORIA …

    PM BAHIA ESTAMOS COM VCS ‘

Deixe uma resposta

(c) 2015 Blog do Carlos Britto | produzido por proximavenda.com.br