Polícia Civil de PE divulgará retrato falado do assassino de Beatriz

beatrizA Polícia Civil de Pernambuco (PCPE) deverá divulgar na próxima segunda-feira (22) o retrato falado do assassino da menina Beatriz Angélica Mota, de 7 anos. O anúncio acontecerá às 9h30, no auditório do 4º Andar do prédio da PCPE.

O retrato falado será divulgado pelo chefe da Civil, delegado Antonio Barros, e pelo atual delegado titular da 26ª Seccional de Petrolina, Marceone Ferreira.

O crime aconteceu na noite de 10 de dezembro de 2015. Beatriz Angélica foi morta a facadas durante um evento de formatura que encerrava o ano letivo do Colégio Nossa Senhora Auxiliadora, Centro de Petrolina. O pai da menina, Sandro Romilton, lecionava na instituição de ensino. Desde então a população de Petrolina e Juazeiro (BA) – onda Beatriz morava – vinha realizando várias manifestações para pressionar as autoridades policiais em busca das respostas.

Casal é preso com quase dois quilos de crack e cocaína no Castelo Branco, em Juazeiro

Foram presos ontem (19), na Quadra C do bairro Castelo Branco, em Juazeiro (BA), Railson Ferreira dos Santos, de 26 anos, e Brenda Lisa Silva, de 19, acusados de tráfico de drogas.

Investigadores da 17ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin) apreenderam junto com o casal, 1,3 kg de crack, meio quilo de cocaína, três balanças de precisão, embalagens e uma agenda com o movimento de vendas e nomes de clientes.

A dupla estava sendo investigada há cerca de um mês. O casal, juntamente com o material apreendido foi encaminhado à Delegacia de Polícia Civil, para adoção das providências cabíveis. (foto/divulgação)

Leitor reclama de “omissão” da Diocese de Petrolina e do colégio no Caso Beatriz; Igreja rebate críticas

O-CASO-BEATRIZ-FOTO-NOVAMais de dois meses após o bárbaro assassinato da menina Beatriz Angélica Mota, de 7 anos, em Petrolina, a tragédia ainda gera comoção e revolta, a exemplo do leitor Tales Kalil, que divulgou o artigo abaixo, nas redes sociais, cobrando veementemente uma postura mais firme da Diocese de Petrolina e do Colégio Nossa Senhora Auxiliadora (palco do crime):

Somos Todos Beatriz???

Quero repudiar veemente a postura das autoridades católicas da Diocese de Petrolina e a direção do Colégio Nossa Senhora Maria Auxiliadora – Cidade de Petrolina/PE.

O repúdio e a indignação nascem a partir do momento em que observo tais representantes endurecerem diante da tragédia ocorrida dentro da citada escola. Sabemos que a instituição é católica, cristã e isso nos causa maior tristeza por ver a postura desumana que estão tratando o caso da pequena Beatriz.

Uma garotinha de apenas 7 anos, indefesa, cheia de sonhos, sem limites para imaginação. Filha de um professor da citada instituição educacional. Em um dia de festa dentro da escola essa criança foi brutalmente assassinada, esfaqueada…Seu corpo foi jogado atrás de uns armários, dentro de uma sala abandonada próximo à quadra da escola onde centenas de pessoas festejavam.

Os sorrisos se transformaram em lágrimas!

Toda cena de horror aconteceu no coração de Petrolina. Dentro de uma das mais tradicionais escolas da cidade. Ao lado da tão magnífica esplendorosa Igreja Catedral.

Quem matou a Beatriz ????

Mais de 60 dias após a morte da garota e ainda estamos sem respostas. A família exige e merece uma resposta!

A sociedade de Petrolina está inquieta a espera de um ponto final e a resolução do caso. Várias manifestações estão sendo feitas, pessoas cobrando das autoridades respostas.

É intrigante ver a postura da escola.

Na tentativa de não manchar o nome da instituição, eles querem abafar o caso e não estão colaborando com as investigações. Nas manifestações não encontramos apoio da escola, tampouco da igreja. Cadê os representantes do amor de Cristo? Cadê essas pessoas nas ruas cobrando por justiça, cadê os líderes religiosos e políticos exercendo seus papéis e usando das influências para ajudar a dar uma resposta para a sociedade?

A escola e a diocese têm, sim, uma parcela de culpa pela morte da Beatriz! Precisam ser responsabilizados pelo fato ocorrido. A escola não proporcionou e não proporciona a devida segurança para as crianças e os jovens. Estamos cientes de vários outros casos abafados e não divulgados. Queremos posicionamentos! Queremos respostas! Repudiamos o silêncio!

Tales Kalil/Leitor

Em contato com o Blog, a Diocese de Petrolina enviou uma nota pela qual rebate as críticas do leitor. Confiram:

NOTA OFICIAL DA DIOCESE DE PETROLINA

Estranhamos a nota de repúdio ao Bispo e à Diocese de Petrolina, Dom Manoel dos Reis de Farias, de autoria do Sr. Tales Kalil, em relação às investigações sobre o crime que ceifou a vida da pequena Beatriz, nas dependências do Colégio Nossa Senhora Auxiliadora.

Por meio desta nota, a Diocese esclarece:

1. O Bispo Diocesano, D. Manoel dos Reis de Farias, no seu programa na Rádio Emissora Rural, a Voz do São Francisco, em diversas ocasiões expressou sua solidariedade à família na busca da elucidação dos fatos.

2. Embora o Colégio Nossa Senhora Auxiliadora seja uma instituição católica, é mantida e administrada pela Congregação Religiosa Filhas de Maria Auxiliadora, não sendo subordinada administrativamente à Diocese de Petrolina.

3. A Diocese, bem como os católicos em geral, é solidária ao sofrimento da família e às Irmãs Filhas de Maria Auxiliadora, na Nota, responsabilizadas injustamente pelo trágico acontecimento ocorrido nas dependências do Colégio. É sempre necessário a prudência nos comentários ou na veiculação de notícias, a fim de que pessoas e instituições não sejam difamadas. Esse fato lamentável poderia ter ocorrido em qualquer estabelecimento de ensino. Ninguém está imune à violência, que ameaça e inferioriza a dignidade humana. Comungamos a mesma indignação da comunidade petrolinense, pela impunidade reinante no país e pela lentidão com que vem se arrastando as investigações.

Portanto, a Nota de Repúdio é injusta ao atribuir ao bispo e à Diocese responsabilidade pelo trágico acontecimento e por falta de apoio. Em nenhum momento fomos procurados para que nos disséssemos em quê e como os católicos, a Diocese e o bispo poderiam colaborar. Apelamos para o bom senso e pedimos que nos coloquem a situação e como podemos ser úteis nesse processo.

Nós o faremos com todo o empenho possível e colocamos a Rádio A Voz do São Francisco, da Diocese de Petrolina, à disposição para colaborar na divulgação que a família achar conveniente. Com sentimento de profunda solidariedade cristã, abraçamos a família da pequena Beatriz, a comunidade educativa e as queridas irmãs do Colégio Nossa Senhora Auxiliadora. Que Deus, rico em misericórdia, conforte os que choram e ilumine os que trabalham para a solução desse caso.

Diocese de Petrolina-PE Petrolina, 16 de fevereiro de 2016.

Constantes assaltos reforçam fragilidade na segurança pública de Dormentes

Cidade com pouco policiamento – como tantas outras no interior de Pernambuco -, Dormentes, no Sertão do São Francisco, está cada dia mais insegura. Segundo informações, assaltos e outros crimes estão sendo registrados com frequência no município.

Ontem (18), por exemplo, dia de feira na cidade, um grupo de compradores de bodes e ovelhas foi assaltado no Centro da cidade, quando deixavam uma residência. O assalto teria sido praticado por elementos num veículo não identificado, que fugiram após levarem todo o dinheiro das vítimas.

Ainda segundo informações, a ação de ontem não é inédita, pois os mesmos compradores já tinham sido assaltados anteriormente, nas mesmas circunstâncias. Fica o alerta para as autoridades de segurança do município.

Suposto assaltante de posto de combustíveis é morto a tiros e comparsa fica ferido em Juazeiro

Um homem foi morto a tiros durante um suposto assalto a um posto de combustíveis entre os bairros Dom José Rodrigues e Alto da Aliança, em Juazeiro (BA), ontem (18).

Segundo informações, antes de ser morto, Leandro Diogo da Silva Santos, de 22 anos, teria praticado outro assalto, junto com um comparsa, a outro posto no bairro Tancredo Neves.

Seu comparsa, ainda não identificado, foi baleado durante a ação, tentou fugir, mas foi preso. O estado de saúde dele é desconhecido. A dupla ocupava uma motocicleta. Outros detalhes sobre o ocorrido e quem efetuou os disparos contra a dupla ainda são desconhecidos.

O corpo de Leandro Diogo foi removido para o Departamento de Polícia Técnica (DPT), para os procedimentos cadavéricos. O fato deve ser investigado pela Polícia Civil. (foto/reprodução WhatsApp)

Caso Beatriz vai virar reportagem do ‘Fantástico’ da Rede Globo

equipe fantástico

O Caso Beatriz deverá ganhar, em breve, uma reportagem no programa dominical ‘Fantástico’, da Rede Globo de Televisão. Com exclusividade, o Blog recebe a informação de que uma equipe de reportagem da emissora já está em Petrolina levantando todas as informações acerca brutal e misteriosa morte da menina Beatriz Angélica Mota, de sete anos.

Ela foi assassinada a facadas, dentro do Colégio Nossa Senhora Auxiliadora, Centro da cidade, na noite de 10 de dezembro de 2015, durante evento festivo de final de ano promovido pela instituição de ensino. Mais de dois meses se passaram e várias manifestações envolvendo segmentos da sociedade de Petrolina e Juazeiro (BA) – onde a garota morava – já aconteceram, mas a Polícia Civil de Pernambuco (PCPE) ainda não tem a resposta para o crime. Um serviço do Disque Denúncia da PCPE foi implantado, oferecendo uma recompensa de R$ 10 mil a quem der informações que levem ao assassino de Beatriz.

Menina morre após ser atropelada por motociclista no N-5

pmpeUma menina de 10 anos de idade morreu atropelada por um motociclista na noite de ontem (17) no N-5 do Perímetro Irrigado Senador Nilo Coelho, zona rural de Petrolina.

Segundo o 5º batalhão de Polícia Militar (BPM), a vítima, Kailane Urania da Silva, caminhava pela pista da Vila Velha, quando foi atingida pelas costas pela moto, que era conduzida por Laudenilson Pinheiro Moura, de 32 anos. A menina morreu na hora.

Ainda segundo o 5º BPM, o motociclista ficou ferido, recebeu atendimento médico e foi encaminhado à Delegacia de Polícia Civil, onde foi autuado em flagrante delito.

Estudante esfaqueia colega dentro de escola no bairro João de Deus

5BPMUm adolescente de 15 anos de idade esfaqueou outro de 16, ontem (17), dentro da Escola Estadual Jesuíno Antônio D’avila, localizada no bairro João de Deus, zona oeste de Petrolina. Após a tentativa de homícido, o menor acusado tentou fugir do colégio, mas foi detido por professores.

Policiais do 5º BPM foram até o estabelecimento de ensino e encaminharam o acusado à delegacia, para as medidas cabíveis. O 5º BPM, no entanto, não deu detalhes sobre o estado de saúde da vítima, nem o que teria motivado a desavença entre os dois jovens.

Homem desaparecido há sete dias é encontrado morto na zona rural de Petrolina

Um homem que estava desparecido desde o último dia 10 foi encontrado morto, ontem (17), numa estrada vicinal no N-8 do Perímetro de Irrigação Senador Nilo Coelho, zona rural de Petrolina).

Segundo o 5º Batalhão de Polícia Militar (BPM), o corpo da vítima estava em estado de putrefação. Os policiais confirmaram que o cadáver era de Antonio Cardoso do Nascimento, de 38 anos.

Ainda segundo o 5º BPM, próximo ao corpo da vítima foi encontrado uma cápsula  de pistola calibre 40, e o crânio com uma perfuração do lado direito. O Instituto de Criminalística (IC) removeu o corpo para o Instituto de Medicina Legal (IML). (foto/reprodução WhatsApp)

Criança é deixada sozinha e acaba tocando fogo acidentalmente em casa no Residencial Brasil

fogo residencial petrolina

Moradores do Residencial Brasil, em Petrolina, passaram por um grande susto no dia de ontem (16). Um princípio de incêndio por pouco não termina em tragédia num dos apartamentos do residencial. (mais…)

(c) 2015 Blog do Carlos Britto | produzido por proximavenda.com.br