fechar x

Setor jurídico da Secretaria de Habitação decidirá situação de comunitária do Cacheado que foi excluída do ‘Minha Casa, Minha Vida’

elinalva na secretaria de habitação

O caso da comunitária Elinalva Lopes de Souza Alves, moradora do bairro Cacheado, zona oeste de Petrolina, que foi excluída do programa ‘Minha Casa, Minha Vida’, ganhou mais um capítulo nesta quinta-feira (18). Ela se dirigiu até a Secretaria de Habitação, onde foi recebida pela secretária Edinalva Gomes, a ‘Nalvinha’.

A reportagem do programa ‘Manhã do Vale’, da Rádio Jornal Petrolina, acompanhou a comunitária, mas Nalvinha não se pronunciou sobre o assunto – segundo ela, por conta de uma orientação  da assessoria de comunicação da prefeitura, devido ao período eleitoral.

Contudo, Ana Célia Marinho, assistente social da Secretaria de Habitação, se pronunciou. Ela explicou que o próximo passo será encaminhar a documentação de Elinalva para o setor jurídico da pasta. “Vamos pegar a documentação dela e passar para o jurídico. Depois, a gente retorna o processo para ver qual a decisão do jurídico. Se houve uma denúncia, tem que ser averiguada”, comentou Ana Célia, que reiterou que a denúncia contra a comunitária foi feita através da Ouvidoria.

Ana Célia garantiu que a casa, a qual inclusive foi vistoriada por Elinalva, continua fechada. “Somente depois do resultado da averiguação é que a gente pode tomar providências”, disse, informando que vai comunicar à rádio o resultado que o setor jurídico dará.

O caso

Elinalva Lopes de Souza Alves foi acusada de já ter uma residência no bairro Cacheado e, portanto, não poderia constar na lista de beneficiários do programa. Inconformada, ela contestou. Mas a prefeitura, através da assessoria, rebateu e disse que a comunitária admitiu que já era proprietária de residência, mostrando-se disposta, diante de testemunhas, a assinar o documento desistindo do imóvel.

A comunitária contou, também em entrevista à Rádio Jornal, no último dia 5 de agosto, que ainda foi obrigada a assinar um termo de desistência, pelo qual abria mão da casa. “Assinei com o dedo porque não sei escrever”, informou. Uma vizinha de Elinalva também disse que assinou o termo, mas afirmou que achava que seria para ela ganhar o imóvel. Recentemente ela abriu as portas do imóvel onde mora para a reportagem e voltou a afirmar que mora de aluguel com sua irmã, que tem problemas psicológicos. (foto/Marco Aurélio)

Comunitária excluída do ‘Minha Casa, Minha Vida’ em Petrolina volta a afirmar que mora de aluguel

comunitária cacheado - elinalva

Após perder seu imóvel conquistado através do Programa ‘Minha Casa, Minha Vida’, a comunitária Elinalva Lopes de Souza Alves, moradora do bairro Cacheado, zona oeste de Petrolina, abriu as portas do imóvel que mora de aluguel para a reportagem da Rádio Jornal Petrolina. (mais…)

Comunitária perde imóvel do ‘Minha Casa Minha Vida’ no Cacheado após denúncia, mas prefeitura garante que ela já tinha casa

elinalva

O sonho da casa própria transformou-se num grande pesadelo para a comunitária Elinalva Lopes de Souza Alves. Ela havia sido contemplada com uma das moradias do Programa ‘Minha Casa Minha Vida’, entregues no bairro Cacheado, em Petrolina, semana passada. A alegria, no entanto, virou dor de cabeça.

Por meio de uma denúncia anônima, feita junto à Secretaria Executiva de Habitação, Elinalva foi acusada de já ter uma residência no mesmo bairro e, portanto, não poderia constar na lista de beneficiários do programa. Inconformada, ela contestou.

“Moro num quarto de aluguel no Cacheado, com uma irmã deficiente, e recebo R$ 85,00 do Bolsa Família”, disse a comunitária na manhã desta sexta-feira (5), ao Programa ‘Manhã no Vale’, da Rádio Jornal. Elinalva contou que a equipe da prefeitura já tinha até feito a vistoria no imóvel, mas após a denúncia informou que ela não mais seria contemplada. “Não me deram mais nenhuma esperança”, lamentou. Elinalva conta que ainda foi obrigada a assinar um Desistência, pelo qual abria mão da casa. “Assinei com o dedo porque não sei escrever”, informou.

Prefeitura

Por meio de nota da assessoria de comunicação, a Prefeitura de Petrolina ressaltou que a comunitária admitiu que já era proprietária de residência e se mostrou disposta, diante de testemunhas, a assinar o documento desistindo do imóvel.

Confiram:

Em 27 de julho do corrente ano, a Sra. Elinalva Lopes de Souza Alves foi denunciada sob o protocolo nº 7271187616 de que: “Venho denunciar Elinalva Lopes de Souza Alves, que foi contemplada com uma casa do Cacheado, e ela tem casa própria. Está construindo uma casa na Rua 29 do Cacheado Ela anda falando que, quando receber a casa do Cacheado, vai vender a casa”.

Quando da averiguação preliminar, constatamos que o imóvel, conforme denúncia, fica localizado na Rua 29, nº 458 – Cacheado, e que se encontra em processo de reforma, conforme declarou a Sra. Elinalva em depoimento. Quanto à Declaração de Desistência, a mesma tomou ciência e mostrou interesse em desistir. Inclusive, ficou de comparecer na Secretaria de Habitação para assinar o documento. Como não compareceu, fomos até a residência da mesma, e antes de assinar, mais uma vez, tomou conhecimento do que se tratava e assinou na presença de testemunhas, entregando posteriormente o Termo de Vistoria.  

Secretaria de Desenvolvimento e Igualdade Social chama atenção para contratos do Residencial Juazeiro III

residencial juazeiro IIDoze contratos de beneficiários do Residencial Juazeiro III, do Programa ‘Minha Casa Minha Vida’, foram substituídos por excedentes que se encontravam na fila de espera da Caixa Econômica Federal (CEF). A informação é da Secretaria de Desenvolvimento e Igualdade Social (Sedis).

De acordo com a Sedis, as pessoas beneficiadas não compareceram para assinar os contratos, mesmo tendo prazo de 30 dias. As assinaturas ocorreram no dia 28 de junho deste ano, na quadra da Escola José Pereira, do bairro Itaberaba. Foram contemplados em junho 500 beneficiários no Residencial Juazeiro III.

Os contratos estão disponíveis na agência da Caixa em Juazeiro, localizada à Praça Barão do Rio Branco, N° 13, Centro. Para a assinatura, é necessário apresentar RG (Carteira de Identidade) e CPF original. O nome dos contemplados substitutos pode ser conferido no seguinte link:  . (foto/ilustração arquivo)

Rui Costa volta ao norte baiano nesta sexta-feira para entregar moradias em Senhor do Bonfim

rui costa/foto reproduçãoO governador da Bahia, Rui Costa (PT), tem feito um tour por diversos municípios do norte da Bahia nos últimos dias. Ele voltará à região nesta sexta-feira (5) para entregar moradias do ‘Minha Casa, Minha Vida’ no município de Senhor do Bonfim. A entrega das chaves de 448 imóveis do Residencial Águas Claras I acontecerá às 10h.

Ainda na cidade, Rui entregará 83 Títulos de Domínio de Terra para nove municípios do Território Piemonte Norte do Itapicuru e o sistema de abastecimento d’água que vai beneficiar os Povoados de Rancharia, Pinicapau, Rapousa, Tapuía II, Gameleira, Lagoa do Boi Queimada Grande (Queimado), Caldeirão de Dentro Garrote e Limões.

O gestor também autorizará a licitação para pavimentação do trecho de entroncamento entre a BR-407 (Senhor Bonfim) e Quicé – um investimento de R$ 8,8 milhões, que beneficiará aproximadamente 125 mil pessoas. A obra deverá melhorar as condições de tráfego de veículos para transporte de passageiros e escoamento das produções de minério, agricultura e pecuária da região. (foto/arquivo divulgação)

Clima de azedume no ar

fernando filho

A entrega de 400 moradias do Programa ‘Minha Casa Minha Vida’ pelo ministro das Cidades, Bruno Araújo, na última sexta-feira (29) em Petrolina, deixou um inevitável azedume entre o prefeito Julio Lossio e seus adversários – o senador Fernando Bezerra (PSB), seu filho, ministro das Minas e Energia Fernando Filho, e o deputado federal Guilherme Coelho (PSDB), que agora está unido com os primos.

A fisionomia de Lossio, ao lado do ex-aliado Guilherme, diz tudo. Pior ainda foi o prefeito ter de ouvir, durante a solenidade, que o ‘Minha Casa Minha Vida’ tem um único pai: o governo federal.

Com presença do ministro das Cidades, Residencial Juazeiro III é inaugurado no bairro Itaberaba

nauguração residencial juazeiro 3

O Residencial Juazeiro III, com mais 500 unidades habitacionais construídas por meio do programa ‘Minha Casa, Minha Vida’, foi inaugurado na manhã desta sexta-feira (29), no bairro Itaberaba, em Juazeiro. O condomínio fica ao lado dos residenciais Juazeiro I e II (com 2,5 mil moradias), entregues recentemente pela presidente afastada Dilma Rousseff (PT).

A entrega das chaves foi feita pelo governador Rui Costa (PT), que esteve acompanhado do ministro das Cidades, Bruno Araújo, do presidente da Caixa Econômica Federal, Gilberto Occhi, e do prefeito Isaac Carvalho (PCdoB). A expectativa do Governo do Estado e de que, até o final de 2016, tenham sido entregues por meio do programa 11 mil imóveis no município, beneficiando mais de 50 mil baianos.

Na ocasião, ainda foram inaugurados um posto da Polícia Militar e um de saúde, construídos em frente ao residencial. Com a inauguração de mais esse empreendimento, a cidade já conta com 6.980 unidades habitacionais entregues por meio do Minha Casa, Minha Vida.

Outros quatro empreendimentos do programa estão sendo construídos, somando mais 2,5 mil casas em obras. A previsão é que o Residencial Mairi, com mil unidades, seja concluído no próximo mês, quando será entregue à população. (foto: Matheus Pereira/GOVA/divulgação)

Água no chope

Júlio Lóssio nova1Apesar do apoio ao presidente interino Michel Temer, o novo governo não está fazendo muito bem ao prefeito de Petrolina, Julio Lossio (PMDB).

O prefeito sempre foi o protagonista na entrega de residências do Programa ‘Minha Casa Minha Vida’. Aliás, mais do que apenas isso: Lossio alardeava como um programa quase seu, com uma pequena menção ao governo federal. Isso quando mencionava.

Só que agora ele sairá de dono da festa a mero figurante. É que o ministro das Cidades, Bruno Araújo, vem pessoalmente para a entrega de 500 unidades habitacionais do Residencial Juazeiro III, em Juazeiro (BA), e mais 400 nos residenciais do Cacheado e Pedra Linda, em Petrolina. Vai trazer com ele seu colega, ninguém menos que o ministro Fernando Filho, desafeto de Lossio, para inaugurar os residenciais ao seu lado.

Vamos ver o que dirá o midiático Lossio, na inauguração ao lado dos ministros.

Rui Costa inaugurará nesta sexta-feira em Juazeiro residencial que vai beneficiar 500 famílias

O governador da Bahia, Rui Costa (PT), estará em Juazeiro nesta sexta-feira (29). Na principal cidade do norte baiano, o gestor participará, às 10h, da inauguração do Residencial Juazeiro III e entregará 500 unidades habitacionais.

O residencial fica situado no bairro Itaberaba, ao lado dos Residenciais Juazeiro I e II – todos do ‘Minha Casa, Minha Vida’.

Esta é a segunda vez em pouco mais de quinze dias que Rui Costa vem a Juazeiro. Ele esteve recentemente na cidade entregando viaturas da PM e participou da entrega de título de Cidadão Juazeirense ao ex-presidente Lula. (foto/divulgação)

Divulgada lista dos contemplados para o Residencial Juazeiro III

A Prefeitura de Juazeiro (BA) confirmou o sorteio de 500 contemplados no programa ‘Minha Casa, Minha Vida’ para o Residencial Juazeiro III. A lista encaminhada pela Caixa Econômica Federal pode ser conferida acessando aqui. A Secretaria de Desenvolvimento e Igualdade Social (Sedis) também fixará cópias na própria Secretaria, nas unidades do CRAS do Itaberaba, Tabuleiro, Quidé, João Paulo II e Malhada da Areia, no Centro Pop (Country Club), no CIAM (Maria Gorete), no CREAS (Coréia), na página da Sedis no Facebook e no site da Prefeitura.

As pessoas contempladas devem ir à Escola José Pereira, no Bairro Itaberaba, no dia 28/06, das 8h30 às 17h, para fazer a assinatura do contrato. Além dessas 500 moradias do Residencial Juazeiro III, ainda faltam ser entregues 1.500 no Residencial Dr. Humberto I, II e III e outras mil do Residencial Mairí. Segundo a Sedis, as moradias já estão praticamente prontas e os nomes dos cadastrados estão sendo analisados.

Critérios

Para concorrer a uma casa do Programa Minha Casa Minha Vida é preciso estar dentro dos critérios: mulheres solteiras com filhos; casais com filhos; pessoas com deficiência e idosos; homem com guarda dos filhos, e mulheres acima de 49 anos.

(c) 2015 Blog do Carlos Britto | produzido por proximavenda.com.br