Enquete

Enquanto isso…

Redução-da-Maioridade-Penal-580x370

Juazeiro poderá ganhar Escola de Sanfona

lançamento festival sanfona3A cidade de Juazeiro (BA) poderá ganhar uma Escola de Sanfona. A possibilidade foi revelada ontem (1º) por Targino Gondim e Celso de Carvalho, organizadores do 3º Festival Internacional da Sanfona, durante o lançamento do Festival. A região já conta com a Orquestra Sanfônica do São Francisco, mas, segundo Targino, a mesma não está funcionando.

Já instituímos a Orquestra Sanfônica do São Francisco, mas ela não está funcionando, pois estamos precisando de apoio. Criar uma escola é um projeto nosso, mas a dificuldade é o apoio, e isso a gente vem buscando”, disse Targino.

Celso de Carvalho também contou que tudo que envolve a sanfona chama atenção e pode ser discutido. “A gente tem o sonho de criar uma escola de sanfona. Tudo que envolve esse instrumento é importante para nós, mas falta patrocínio. No momento, estamos tentando”, frisou.

Targino disse que não falta público para sanfoneiros. “Como vocês viram, a gente conseguiu reunir vários sanfoneiros em pouco tempo. Temos mais de quarenta sanfoneiros profissionais na região. Hoje, sem úvida, vivemos um dos melhores momento”, finalizou Targino.

Caso seja implantada, a escola deve oferecer acesso a aulas práticas e reforço teórico sobre o instrumento, com ênfase em formação de repertório de show, como já foi oferecido pela Orquestra Sanfônica.

Por Duda Oliveira

Aberta nesta quinta, 16ª Fenearte movimentará Pernambuco até o dia 12 de julho

fenearte-dentroA Feira Nacional de Negócios do Artesanato (Fenearte) 2015 foi aberta nesta quinta-feira (2) no Centro de Convenções de Pernambuco, em Olinda. O evento segue até 12 de julho com mais de 5 mil expositores de todo o mundo. Os artesãos pernambucanos são maioria, mas esta Fenearte tem recorde de participação internacional: são 51 países diferentes. O evento está em sua 16ª edição.

Coréia do Sul, Estados Unidos, Fiji, Inglaterra, Kuwait, Somália e Tanzânia são os países que apresentam, pela primeira vez, sua produção artística na Fenearte neste ano. Também estarão presentes expositores de países como Peru, Colômbia e Espanha, além de artesãos de todos os 27 estados brasileiros. Mesmo assim, o destaque da feira são os artistas pernambucanos. Como é tradição, manifestações artísticas de todas as regiões do estado serão apresentadas. E os homenageados da feira de artesanato, que é a maior da América Latina, vêm do interior do estado.

Neste ano, a Fenearte homenageia o poeta popular Lourival Batista, imortalizado como Louro do Pajeú, que faria 100 anos em 2015; e o artesão Manoel Borges da Silva, o Mestre Nuca de Tracunhaém.

Investindo R$ 5,5 milhões no evento, a organização da Fenearte espera movimentar R$ 40 milhões e atrair 320 mil pessoas nos dez dias de feira deste ano. Segundo Felipe Carreiras, secretário de Turismo, Esporte e Lazer de Pernambuco, o saldo financeiro do ano passado não foi tão bom porque a Fenearte precisou concorrer com a Copa do Mundo. Mas, agora, a expectativa é que o movimento melhore, apesar da crise econômica que afeta todo o país.

Para incrementar as vendas, ainda serão realizadas rodadas de negócios nos três primeiros dias de feira. De acordo com a Fenearte, cerca de 25 compradores nacionais e seis internacionais estarão presentes para negociar com os artesãos pernambucanos. A expectativa é que o negócio movimente R$ 5 milhões.

Entrada

Os ingressos para a Fenearte 2015 custam R$ 10 e R$ 5 (meia) de segunda a sexta-feira. Nos finais de semana, os bilhetes são vendidos por R$ 12 e R$ 6 (meia). Eles podem ser adquiridos tanto no Centro de Convenções quanto no Shopping Tacaruna. A Fenearte funciona das 14h às 22h durante a semana e das 10h às 22h nos sábados e domingos.

Estrutura

 Os 5 mil expositores se dividem em 800 estandes por 29 mil metros quadrados do Centro de Convenções de Pernambuco. Ainda há salas dedicadas a exposições, como a Alameda Janete Costa, o Salão de Arte Popular Ana Holanda e a Galeria dos Reciclados. Uma passarela também vai receber 18 desfiles de moda ao longo do evento. A planta é assinada por Carlos Augusto Lira Arquitetos e conta com várias portas de saída, além de praças de descanso desenhadas por estudantes de arquitetura das faculdades do estado.

Na área externa do Cecon-PE, também será instalada uma praça de alimentação com dois mil metros quadrados. A praça conta com 12 restaurantes, 150 mesas e 600 lugares, mas quiosques de comida rápida e dois cafés também serão instalados na área destinada aos expositores.

A praça de alimentação ainda recebe o palco da programação artística e cultural elaborada pela Fundarpe, que apresentações musicais em todos os dias do evento, no final da tarde e no começo da noite. Entre as atrações, estão representantes da cultura popular como o Cavalo Marinho Estrela Brilhante de Condado, o Maracatu Pavão Dourado, o Mamulengo Nova Geração, a Banda de Pífano Zé do Estado e Severino dos 8 Baixos. (fonte/foto: G1-PE)

No ‘vermelho’, presidente do Carcará oficializa pedido de saída do clube da Série C

clebel carcaráO Salgueiro oficializou nesta quinta-feira (2) o pedido de saída da Série C do Campeonato Brasileiro. Alegando que não tem condições de arcar com as despesas do clube, o presidente do Carcará do Sertão, Clebel Cordeiro (foto), entregou ao presidente da Federação Pernambucana de Futebol (FPF), Evandro Carvalho, documento para ser repassado à Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Segundo Cleber, Evandro ficou de segurar o documento até a próxima segunda-feira (6) para tentar achar uma solução.

O planejamento do Salgueiro foi prejudicado com o fim do programa estadual Todos com a Nota (TCN), que garantia cerca de 80% da sua folha salarial.

De acordo com Clebel, o clube precisa mensalmente de cerca de R$ 180 a R$ 200 mil mensais para sobreviver na Série C, valor que corresponde ao que receberia com o TCN. O presidente do Carcará também disse saber da possível punição de dois anos sem atuar em competições estaduais e nacionais pela desistência, mas revelou “não ter o que fazer”.

“Vou fazer o quê? Passei esses anos disputando a trancos e barrancos. Agora não tenho condição nenhuma de continuar desse jeito”,  finalizou Clebel. A reportagem tentou contato com Evandro Carvalho, mas não obteve sucesso. (fonte: JC Online/foto: Alexandre Gondim)

Ex-presidente da Casa Plínio Amorim ‘corre trecho’ para dar volta por cima em 2016

Paulo AfonsoUm ex-vereador e ex-presidente da Casa Plínio Amorim é a aposta de dez entre dez ‘cientistas’ políticos de plantão em Petrolina. Trata-se de Paulo Afonso.

Segundo informações repassadas a este Blog, Paulo Afonso está se movimentando com gosto e muita vontade de dar a volta por cima nas eleições de 2016.

Para isso, ele vem cumprindo uma intensa agenda de visitas com alta frequência. De acordo com esses mesmos ‘cientistas’ políticos’, só uma hecatombe impedirá o retorno de Paulo Afonso à Câmara de Vereadores.

Socialistas de Petrolina estão distantes de Adalberto e mais perto de Odacy

fernando filho miguel e odacyMesmo com todas as especulações, um integrante de primeira linha do PSB de Petrolina assegurou a este Blog que as chances de aproximação do partido com o deputado federal Adalberto Cavalcanti (PTB) são nulas.

Como se sabe, Adalberto já deixou claro seu desejo de disputar a Prefeitura de Petrolina em 2016.

Por sua vez, essa mesma fonte socialista ressaltou que a legenda já começou a conversar com o deputado estadual Odacy Amorim (PT) – outro prefeiturável, que inclusive já fez parte dos quadros do PSB local.

O Blog, inclusive, já registrou um desses momentos, quando os deputados socialistas Fernando Filho (federal) e Miguel Coelho (estadual) bateram um papo bem à vontade na Jecana do Capim deste ano, no mês passado. E não é só. O senador Fernando Bezerra Coelho (PSB) também conversou reservadamente com o petista, na última sexta (26/06), no Aeroporto de Petrolina, enquanto esperavam o ministro da Integração Gilberto Occhi. Quem viu a cena disse que a conversa foi ao pé do ouvido.

É mais um sinal de que um entendimento, de fato, pode estar a caminho.

Ex-presidente do STF diz que ‘manobra’ de Eduardo Cunha em relação a proposta da maioridade é ilegal

joaquim barbosa“Matéria constante de proposta de emenda rejeitada ou havida por prejudicada NÃO pode ser objeto de nova proposta na mesma sessão legislativa”, disse o ex-presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), Joaquim Barbosa, pelo Twitter. A frase se refere à manobra do presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB -RJ) de permitir a análise de uma emenda para conseguir aprovar a proposta de redução da maioridade penal em crimes graves de 18 para 16 anos.

Barbosa, que ficou famoso pela sua atuação como relator no julgamento da Ação Penal 470, o Mensalão, disse que a “pedalada regimental” de Cunha fere o artigo 60, parágrafo 5º da Constituição brasileira. Ele já havia se posicionado contra a medida, dizendo também no Twitter que quem conhece as prisões brasileiras não apoia essa “insensatez” de reduzir a maioridade. “Maioridade penal: eu apoio integralmente a posição do governo federal, contrária à redução da maioridade penal. Estão brincando com fogo“, disse.

Na madrugada desta quinta-feira (2), a medida foi aprovada para o caso de crimes hediondos (estupro, sequestro, latrocínio, homicídio qualificado e outros), homicídio doloso e lesão corporal seguida de morte. A emenda que permitiu a reavaliação da proposta pelos parlamentares foi dos deputados Rogério Rosso (PSD-DF) e André Moura (PSC-SE), deixando de fora da redução da maioridade outros crimes, como roubo com causa de aumento de pena, tortura, tráfico de drogas e lesão corporal grave. Esses crimes constavam do substitutivo da comissão especial para a matéria, rejeitado na madrugada desta quarta-feira (1º).

Quem também criticou a aprovação da Proposta foi o deputado Paulo Pimenta (PT – RS). “Se a Câmara hoje fosse o Brasileirão, o presidente da Câmara seria o Fluminense”, afirmou, referindo-se às supostas “viradas de mesa” realizadas pelo clube para escapar do rebaixamento. (fonte: Infomoney/foto: Ueslei Marcelino/Reuters)

Sobrinha de Osório perde bebê no HDM após médicos garantirem que estava “tudo bem”

osorio siqueira_600x450O Hospital Dom Malan (HDM) é mais uma vez alvo de críticas relacionadas a atendimento. Desta vez quem está denunciando a unidade médica é o presidente da Câmara de Vereadores, Osório Siqueira. Segundo o vereador, sua sobrinha perdeu o bebê que esperava após demorar três dias para que fosse realizado seu parto cesariano.

Minha sobrinha vinha sendo acompanhada por um médico do hospital, foi internada na segunda-feira (29/06), informaram que não tinha perigo, que na hora certa fariam o parto. Mas passaram esses três dias para fazer o parto e a criança já estava morta”, disse Osório, em entrevista ao programa ‘Manhã no Vale’, da Rádio Jornal.

O vereador disse que ainda cogitou transferir a sobrinha para um hospital particular de Petrolina, mas não a levou porque muitas pessoas informaram que o HDM era referência.

De acordo com Osório, os vereadores vão se juntar e formar uma comissão especial para fiscalizar o HDM. “A Comissão de Saúde da Câmara já está atenta a este assunto, e vamos fiscalizar, porque esse é o papel do vereador”, frisou, informando que a mãe da criança ainda está se recuperando e segue internada.

O Blog procurou a assessoria de comunicação do HDM, que ficou de se pronunciar sobre o assunto. Confira abaixo entrevista completa com o vereador Osório Siqueira.

Osvaldo Coelho: Sem mandato, mas na ativa

osvaldo e lossioApesar das limitações físicas impostas pela idade e, sobretudo, por problemas de saúde, o ex-deputado federal Osvaldo Coelho mostra disposição de poucos bem mais moços que ele. Prova disso é que, num curto intervalo de semanas, esteve participando de alguns eventos da administração municipal, ao lado do prefeito de Petrolina Julio Lossio (PMDB).

No final de junho, Osvaldo compareceu ao ato simbólico de entrega das escrituras a moradores do bairro Terras do Sul, prestigiou o lançamento do Plano Municipal de Educação (PME), no gabinete do prefeito, e hoje (2) esteve mais uma vez junto a Lossio, na sede da prefeitura, testemunhando a solenidade de uma ordem de serviço para recuperação asfáltica de ruas e avenidas da cidade (foto).

Com esse pique, o ‘deputado sem mandato’ – como seus amigos costumam lhe atribuir – não vai sair do cenário político nem tão cedo. E que seja assim. (foto: PMP/divulgação)

Maioria dos alunos sai do ensino médio sem aprender matemática, diz relatório

matemáticaLevantamento do Movimento ‘Todos pela Educação’ aponta que 2,7% dos estudantes de Roraima terminam o ensino médio dominando o conteúdo de matemática. No Maranhão, o percentual é 2,8% e no Amazonas, 2,9%. Esses três estados tiveram o pior resultado no relatório De Olho nas Metas, divulgado hoje (2). O nível de proficiência em matemática foi medido com base no Sistema de Avaliação da Educação Básica referentes a 2013, do Ministério da Educação.

De acordo com os dados, o resultado também é baixo na média nacional: 9,3% dos que concluem o ensino médio absorveram o essencial da disciplina. Os estudantes do Distrito Federal tiveram o melhor desempenho com 17% deles demonstrando proficiência na matéria. No Rio Grande do Sul, o percentual é 13,8%.

O relatório destaca que nem mesmo os estados com melhor resultado atingiram a meta proposta pelo Todos pela Educação de 28,3% dos estudantes com domínio do conteúdo de matemática.

Em português, os resultados foram um pouco melhores, porém também abaixo das metas. O Distrito Federal tem 40,2% dos estudantes concluintes do ensino médio com os conhecimentos essenciais em português. O percentual é maior do que a meta nacional (39%), mas menor do que o objetivo específico (54,7%). Na média de todo o país, o percentual ficou em 27,2%. Os piores resultados foram registrados no Maranhão (12,2%) e em Alagoas (12,6%). As informações são da Agência Brasil.

(c) 2015 Blog do Carlos Britto | produzido por proximavenda.com.br