População faz festa para acompanhar passagem da Tocha Olímpica por Cabrobó

cabrobo

No segundo dia de revezamento pelo território pernambucano, a Tocha Olímpica foi recebida em clima de festa, em Cabrobó, no Sertão do São Francisco, onde uma multidão saiu às ruas para prestigiar a passagem da chama olímpica que chegou ao município na tarde desta sexta-feira (27).

(mais…)

O curinga em novo desafio

PlinioA aposta do prefeito de Juazeiro, Isaac Carvalho (PCdoB) para a saúde do município não poderia ser mais adequada. O convite para que o assessor especial Plínio Amorim assumisse a secretaria de Saúde da prefeitura precede de apenas um erro: a demora na escolha.

Plínio é daquelas pessoas prontas para qualquer desafio. Dê-lhe um tempo, as planilhas e os links para programas e projetos da área interessada e pronto, vai acontecer.

Claro que a pasta de saúde é um drama nas administrações do país inteiro, um desafio complexo, mas com organização, planejamento e gestão profissional seria menos sofrível. Isaac precisa lhe oferecer algo mais: autonomia. Dessa forma o próprio prefeito logrará mais êxito que ceder a chantagem de aliados, vereadores e interessados em apenas projetos pessoais indicando ações ou protegidos sem competência para ocupar cargos vitais para que a engrenagem funcione.

Plínio corrompeu a alma jornalística deste blogueiro no ultimo final de semana quando revelou que recebera o convite. “Vou te dizer porque já está sacramentado, mas você não pode divulgar. A prerrogativa é do prefeito”, disse na cara de pau amparado na relação de irmandade que construímos ao longo de vinte anos de amizade. Ainda deu risada porque eu não poderia cumprir o meu ofício ou publicar o furo jornalístico.

Ele já havia aceito e, se me perguntasse antes, sabe que eu pediria para que dissesse não.

Não porque não está preparado, pois o texto afirma exatamente ao contrario, mas porque talvez tenha pouco tempo para imprimir sua marca.

Como sou daqueles que acha que o copo com água ao meio está sempre meio cheio vou acreditar que a gestão vai terminar bem avaliada na área de saúde. Afinal é Plínio que está por lá.

É isso ai.

Enquanto isso…

AUTO_sinfronio

Com direito a ‘casamento’ matuto, River Shopping fará abertura do período junino na próxima quarta-feira

periodo junino river shopping

Toda boa quadrilha junina que se preze tem obrigatoriamente de ter uma noiva grávida, um padre abençoado, um pai valente e um noivo fujão. Pois tudo isso vai fazer a animação do público que for ao River Shopping em Petrolina, no próximo dia 1° de junho (quarta-feira), para a inauguração da decoração do período junino do Centro de compras.

O evento, que começará a partir das 19h na Praça de Alimentação, vai contar com toda a irreverência do ‘casamento’ matuto de Catilene e Teófilo. Imperdível para adultos, e principalmente, para quem tem filhos.

Diocese de Petrolina promoverá 1º Cenáculo Diocesano Mariano no próximo domingo

movimento-marianoMotivada pela peregrinação da Imagem de Nossa Senhora Aparecida, a Diocese de Petrolina promoverá o 1° Cenáculo Mariano. De acordo com o padre José Guimarães, coordenador do evento, esta será uma oportunidade de encontro com Jesus Cristo através de Maria. “O Cenáculo durará o dia inteiro e acolheremos não só os que são de movimentos marianos, mas todos aqueles que são devotos e louvam a Nossa Senhora como Mãe de Jesus e nossa”, ressaltou.

O Cenáculo acontecerá neste domingo (29), a partir das 7h na quadra do colégio diocesano Dom Bosco, Centro de Petrolina. O cantor católico Antônio Cardoso fará um show em homenagem a Nossa Senhora Aparecida.

A imagem peregrina da Padroeira do Brasil está peregrinando na diocese pernambucana desde o dia 24 de abril deste ano. Na ocasião da recepção à imagem, Dom Manoel dos Reis de Farias, bispo da diocese, ressaltou a importância da visita da Mãe de Jesus. “Nesse início de peregrinação queremos apostar no bom resultado, pois vamos atingir as famílias onde deve ser vivenciada e partilhada a fé e, também, o amor e a paz”, pontuou.

 

Cemafauna promoverá 1°Curso Introdutório à Falcoaria no Vale do São Francisco

falcoaria cemafauna

O Centro de Conservação e Manejo de Fauna da Caatinga (Cemafauna Caatinga) realizará nos próximos dias 11 e 12 de junho o 1°Curso Introdutório à Falcoaria do Vale do São Francisco. Segundo a assessoria, o curso – que terá carga de oito horas – acontecerá no auditório do Museu de Fauna da Caatinga, Campus de Ciências Agrárias da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf), em Petrolina. As inscrições são presenciais e seguem até o dia oito de junho.

O curso apresentará os seguintes temas: ênfase a biologia das aves de rapina; História, Legislação e equipamentos da Falcoaria; Treinamento e manejo em cativeiro; Reabilitação e reintrodução; Prática de implante de penas e Prática em campo. O ministrante é o falcoeiro Lucas Cabral, membro da Associação Nordeste de Falcoaria e estudante do curso de Medicina Veterinária da Univasf. Ele também é estagiário do Cemafauna.

As vagas são limitadas. As inscrições são presenciais e seguem até dia 8 de junho, das 8h às 18h na secretaria do Núcleo de Ecologia Molecular (NECMOL), na sede do Cemafauna (tratar com Karelly Menezes). A comissão organizadora ressalta que para a realização do curso  o candidato deverá, além de trazer caderno e caneta, vir vestido pronto para fazer manejo de animais silvestres com calça comprida e sapato fechado, de preferência bota – além de protetor solar. Haverá transporte gratuito para deslocamento do campus Univasf, no Centro de Petrolina, às 8h20, até o Cemafauna. (foto: Wesley Lopes/divulgação)

Municípios do Norte da Bahia não estão aptos a conceder licenças de mineração, alerta MP

Municípios da região norte da Bahia receberam equipes da Fiscalização Preventiva Integrada (FPI) realizada nas últimas semanas pelo Ministério Público do Estado (MPBA) em parceria com órgãos que têm atuação na área ambiental. A operação abordou diversas áreas – em sua maioria com relação com o Rio São Francisco – e a atividade minerária foi uma das modalidades acompanhadas, registrando diversas irregularidades, o que acarretou em advertências e penalidades, tanto para as empresas quanto para as prefeituras.

Licenciamento irregular, ausência ou descumprimento de condicionantes, impactos diretos para comunidades tradicionais, especialmente Fundos de Pasto, condições de trabalho precárias, foram algumas das irregularidades identificadas e encaminhadas às instâncias do Ministério Público para as medidas cabíveis. O coordenador da equipe de mineração, Sérgio Santos, fiscal do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia da Bahia (Crea-BA), explica que os processos de licenciamento nos municípios não estão de acordo com resoluções do Conselho Nacional de Meio Ambiente (Conama).

Algumas licenças nem condicionantes tinham e quando nós íamos a campo constatar esses empreendimentos, nós observamos que [a licença] não tinha nada a ver com o próprio empreendimento”, declara Sérgio. Segundo ele, há uma grande contradição uma vez que as prefeituras licenciam, porém não possuem equipe técnica para fiscalizar.

O município de Curaçá, que já está com cerca de 80% do seu território mapeado para atividade minerária, foi um dos visitados pela FPI que mais apresentou essas irregularidades. Recomendações como a regularização do licenciamento, cumprimento de condicionantes, execução de planos de recuperação de áreas degradadas, contratação de responsáveis técnicos, preservação de recursos hídricos, garantia de programas de segurança e saúde dos trabalhadores e adoção de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) – entre outras sugestões – foram repassadas aos municípios visitados.

Além de Curaçá, outros municípios da região também não apresentam condições de emitir licenças para empresas públicas ou privadas iniciarem ou continuarem a exploração de minérios, embora isso venha sendo feito por equipes normalmente alocadas nas secretarias municipais de meio ambiente. “Isso é preocupante, é impactante e se não houver um desdobramento por parte do MP em cassar essas licenças, tudo isso vai continuar, infelizmente”, lamenta Sérgio.

Impactos

A ação de uma mineradora causa, de início, o impacto visual. Porém outras consequências decorrem a partir do início da operação. No norte da Bahia, segundo os resultados da FPI, a devastação da caatinga, o assoreamento de nascentes e rios, o afugentamento de animais e a possibilidade de desmoronamento de cavernas estão entre os principais impactos. A região de Curaçá é citada como área de risco, devido à forte presença de grutas e cavernas na área explorada, o que pode ocasionar até mesmo a morte de trabalhadores, conforme alerta o representante do Crea.

As comunidades de Fundo de Pasto, que vivem basicamente do uso sustentável da caatinga, quando ainda não são regularizadas, são grandes atingidas pela ação das mineradoras. Além da destruição da vegetação e restrição das áreas onde os animais são criados de forma coletiva, na maioria dos casos estas são afetadas devido ao tráfego de veículos, poeira, estrondos, rachaduras nas casas, poluição sonora, etc. “Tem comunidade tradicional que tem seu histórico na região, mas infelizmente são impactadas por esse tipo de empreendimento”, registra Sérgio Santos.

De acordo com a promotora Luciana Khoury, do MPBA, todas as informações acerca dos diagnósticos da FPI sobre a mineração nos municípios visitados estarão em breve sistematizada em relatórios disponibilizados na internet. (fonte: Ascom IRPAA/foto: Revista Minérios)

FBC reúne-se em Petrolina com representantes do IF Sertão-PE e do Centro de Recuperação de Áreas Degradadas

reunião FBC IF Sertão-PE

Em Petrolina desde ontem (26), o senador Fernando Bezerra Coelho cumpriu duas importantes agendas, nesta sexta-feira (27), voltadas à educação. No início da manhã ele conversou com professores e gestores do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Sertão Pernambucano (IF Sertão-PE). O encontro aconteceu na sede do instituto. (mais…)

Isaac Carvalho e o sonho de se tornar deputado federal

É cada vez mais evidente o desejo de Isaac Carvalho (PCdoB), primeiro prefeito reeleito de Juazeiro (BA), de concorrer a um cargo federal. Prestes a encerrar seu segundo mandato, o gestor aproveitará os próximos meses para lançar seu sucessor: Carlos Neiva, Joaquim Neto ou Paulo Bonfim.

Isaac já garantiu que não vai sair da política, mas quer que o escolhido dos três pré-candidatos “honre o posto” que será deixado por ele. “Sair da política eu não vou, mas espero que o escolhido conduza bem, para eu não ter que voltar e ser prefeito de Juazeiro novamente”, disse o gestor, durante o Movimento Juazeiro no Rumo Certo, na última segunda-feira (23).

Isaac Carvalho ainda ressaltou que seu objetivo é “ir pra frente”, deixando a entender que caminha para disputar uma vaga na Câmara Federal em 2018. “Eu quero ir pra frente, porque é pra frente que se anda. Nós temos que ocupar espaço no governo estadual, no governo federal, para, juntos, trazermos dias melhores para nossa cidade”, concluiu.

Após estupro coletivo contra adolescente de 16 anos no Rio, Temer anuncia departamento na PF para combater crimes contra mulheres

estuproO presidente interino, Michel Temer, divulgou hoje (27) nota de repúdio ao estupro de uma jovem de 16 anos, no último fim de semana, no morro São José Operário, em Jacarepaguá, zona oeste do Rio de Janeiro. De acordo com o relato da jovem à polícia, ela teria sido violentada por 33 homens. Na mesma nota, Temer diz que irá criar um departamento na Polícia Federal para investigar crimes contra a mulher.

É um absurdo que, em pleno século 21, tenhamos que conviver com crimes bárbaros como esse”, avaliou Temer. O comunicado destaca que o Ministério da Justiça e Cidadania convocou uma reunião para a próxima terça-feira (31) com secretários de segurança pública de todo o país em uma tentativa de combater a violência contra mulheres.

Ainda segundo Temer, será criado um departamento na Polícia Federal – semelhante à Delegacia da Mulher da Secretaria de Segurança Pública de São Paulo – para agrupar informações estaduais e coordenar ações em todo país. Quando atuou como secretário de Segurança do governo de São Paulo, Michel Temer instituiu a primeira Delegacia da Mulher no Brasil.

“Nosso governo está mobilizado, juntamente à Secretaria de Segurança Pública do Rio de Janeiro, para apurar as responsabilidades e punir com rigor os autores do estupro e da divulgação do ato criminoso nas redes sociais”, concluiu o presidente interino. No momento, quatro dos 33 acusados de terem estuprado a garota – segundo relato da própria vítima – já foram identificados. Um é o rapaz que tinha um relacionamento com a jovem, e o quarto identificado aparece no vídeo ao lado da garota.

Mais cedo, o ministro da Justiça e Cidadania, Alexandre de Moraes, divulgou nota de repúdio ao estupro. No comunicado, o ministro afirma repudiar veementemente o que chamou de crime hediondo praticado contra a adolescente. O estupro, na avaliação de Moraes, representa a maior violência à dignidade da mulher e deve ser duramente reprimido.

Piauí

No Piauí, a Polícia Civil também investiga caso de estupro coletivo, com a participação de pelo menos cinco pessoas que teriam violentado uma adolescente de 17 anos no município de Bom Jesus na última sexta-feira (20). Até o momento, quatro menores de idade e um rapaz foram presos suspeitos de participação no crime. De acordo com a corporação, a jovem foi encontrada amarrada em uma obra abandonada. A vítima precisou receber atendimento médico, mas já recebeu alta. Após uma briga com o namorado, ela teria ingerido bebida alcoólica e os suspeitos se aproveitaram do momento para cometer o crime.

Em nota divulgada ontem (26), a ONU Mulheres Brasil se solidarizou com a jovem e com a adolescente de 16 anos também vítima de estupro coletivo no Rio de Janeiro. No comunicado, a entidade pede ao Poder Público dos dois estados que seja incorporada a perspectiva de gênero na investigação, no processo e no julgamento dos casos. A organização também pede à sociedade brasileira “tolerância zero” a todas as formas de violência contra as mulheres e a sua banalização.

Banda baiana

Em 2012, na cidade de Ruy Barbosa (BA), duas adolescentes – uma de 15 e outra de 16 anos – foram estupradas por nove integrantes da banda New Hit. O estupro ocorreu dentro do ônibus da banda, no momento em que as adolescentes solicitaram autógrafos e queriam parabenizar o vocalista pelo seu aniversário. Os atos foram investigados e comprovados pela polícia, inclusive por laudo pericial, e devidamente denunciados pelo Ministério Público do Estado da Bahia. Os exames periciais de corpo de delito apontaram para a presença do material genético dos integrantes da banda baiana nas adolescentes. (com informações da Agência Brasil/foto ilustração)

(c) 2015 Blog do Carlos Britto | produzido por proximavenda.com.br